{browse_happy}

Tyco Retail Solutions: Experience What’s in Store - Resumo 2º dia

Por Editor Brasil em Feb 1, 2018

A Tyco Retail Solutions participou da NRF, o maior evento de varejo do mundo, em Nova Iorque. A edição contou com 18 mil varejistas de 3500 empresas que atuam em 95 países em todo o mundo.

Durante o segundo dia de evento, a gestão de pessoas para uma melhor produtividade foi o destaque trazido por Arianna Huffington, fundadora e CEO da Thrive Global. De acordo com Arianna, o descanso do trabalhador está diretamente relacionado com a produtividade. Durante sua palestra, conscientizou as empresas sobre o esgotamento dos funcionários, pois pessoas desgastadas contribuem para um ambiente ruim e para a alta rotatividade das empresas.

Em um segundo momento, as lojas físicas ganharam espaço no evento. Nos Estados Unidos, somente no ano passado, mais de 7000 pontos de vendas encerraram suas atividades, situação influenciada e impulsionada pelo crescimento do e-commerce. Embora há alguns anos atrás o evento tenha anunciado o fim dessas lojas, o tema entrou em pauta novamente. Desta vez para justificar a sobrevivência delas, que está diretamente ligada ao investimento em tecnologias.

Em meio a tanta oferta de tecnologia, o grande desafio do mercado é saber aplicar o instrumento adequado para atender suas necessidades. Durante o painel de Mike Luzzi, diretor de inovação da Pepsico, foi destacada uma solução que pode vir a mudar o método de análise do cliente no ponto de venda. A tecnologia permite identificar como ele se comporta na gôndola, levantando informações tais como o tempo de permanência, gênero e idade. A partir disso, o mercado consegue adequar sua estratégia para aumentar a taxa de conversão.

Durante o painel apresentado por Jason Breazeale, o uso de video analytics foi o foco do gerente de inovação, apresentado como outra ferramenta que permite conhecer o comportamento do consumidor nas lojas. Juntamente a essa tecnologia de monitoramento, a utilização do método de people count entrou em evidência como uma solução para melhorar a performance.

O grande desafio das lojas físicas é atrair mais clientes para conseguir aumentar a taxa de conversão. As tecnologias oferecidas ao mercado, em si, não resolvem essa necessidade. Para que as informações sejam aplicadas da melhor maneira possível, a maturidade e uma gestão de qualidade são pré requisitos para crescer.

Unidades de negócio da Johnson Controls