A rede de supermercados Covabra, inaugurada em 1989 em Limeira, interior de São Paulo, sempre buscou a inovação, e já desde essa primeira loja mostrava esse perfil. Com a inauguração da loja modelo no bairro Malota, em Jundiaí, no final de 2015, a rede confirmou sua vocação, que também está presente na preocupação em prevenir perdas.

Cliente da Tyco Integrated Security há mais de oito anos, a Covabra começou adquirindo sistemas de EAS, que estão instalados em todos as lojas do grupo. Mas para a moderna loja de Jundiaí, localizada em bairro nobre de público classe A, a empresa fez um investimento de R$ 700 mil e adquiriu, além do EAS, diversas outras soluções da Tyco Integrated Security, como CFTV, Câmeras IP, Câmeras Analíticas, Hot Zone, Contador de Fluxo, Check Out Expert e os softwares de gerenciamento Victor, Video Edge e EXACQ.

Nessa loja, a Covabra entendeu que inovação, tecnologia e controle deveriam estar incorporados ao escopo do projeto, e com essa ideia promoveu uma concorrência entre diversas empresas. “A Tyco Integrated Security foi a única a preencher todas as especificações, e foi escolhida também por causa do pós venda”, observa Diogo Metzner, gerente de prevenção do grupo, acrescentando que a intenção da Covabra é testar o desempenho na loja de Jundiaí para instalar mais sistemas em outras lojas.

“E os resultados do investimento são consistentes, ele não só permite reduzir perdas como aumentar a performance”, observa Metzner, lembrando que o percentual de perdas nessa loja, que era de 3,31% sobre o faturamento em novembro de 2015, caiu para 2,64% em fevereiro de 2016 e para menos de 1,83% em junho, com tendência de baixar ainda mais. Na média das 14 lojas do grupo, o percentual de perdas foi 2,23% em 2015 e neste ano caiu para 2,15 por cento. “Apesar de todas as dificuldades, com muito trabalho estamos conseguindo reduzir as perdas na rede, o que contribui diretamente para a rentabilidade da organização”, completa.

O grande diferencial da loja de Jundiaí é que não só o local é filmado, como é possível acompanhar a imagem e fazer a análise. Para isso a Covabra adquiriu, além dos sistemas, cinco servidores da Tyco Integrated Security locados em áreas diversas.

Por meio de câmeras analíticas são feitas análises automáticas de vídeo para obter informações relativas a objetos abandonados, tempo de permanência na loja e tamanho de fila, por exemplo. Já com o Checkout Expert é possível identificar qualquer tipo de fraude, como o cancelamento indevido de compra. Para dar suporte ao processo, foram instaladas 137 câmeras, entre equipamentos de 360 graus, fixas tipo mini dome e fixas tipo box.

Bom para todos

Com o objetivo de levantar informação do cliente e a taxa de conversão, foi implantado um sistema de contagem de fluxo. Duas câmeras para contagem de fluxo de pessoas instaladas em pontos estratégicos permitem a análise do comportamento de todos, comparar o fluxo de um dia com outro, medir as horas de maior pico e assim, preventivamente, aumentar a quantidade de caixas nos momentos de maior fluxo de pessoas, por exemplo. O sistema também tem a vantagem de dispensar o fiscal de loja circulando no ambiente, o que para alguns clientes é um desconforto. Isso porque da sala de CFTV é possível enxergar inclusive quando alguém muda de corredor, por causa da câmera de 360 graus e do software EXACQ, que acompanha a pessoa pelo mapa da loja.

A Covabra conta com fiscais de loja acompanhando a operação no dia a dia. Eles estão distribuídos em pontos estratégicos no recebimento de mercadoria, garantindo todos os processos da movimentação dos produtos, como na sala de CFTV, onde são monitoradas a área de vendas, áreas de produção e o estacionamento. Após a realização de inventário o departamento de prevenção de perdas é a responsável por analisar, identificar os motivos que levaram ao desvio da mercadoria e propor plano de ação para bloquear as principais causas.Com as principais áreas monitoradas ( Recebimento – Estoque – Salão de Venda e PDV ) é possível tomar decisões baseadas em fatos e dados. Dessa forma elimina-se o “achismo”, como diz Metzner. Para a empresa, o mais importante é que muitas decisões intuitivas agora são tomadas com base em informações detalhadas.

O sistema não só atende as necessidades da área de prevenção de perdas, como pode ser explorado por outros departamentos (Comercial – Marketing – Gestão de Pessoas), com informações sobre melhores horários de venda, melhores pontos de circulação de pessoas e até permitindo medir a produtividade dos operadores de caixa.

Box

Desde sua fundação, a Covabra mostrou inúmeros pioneirismos e modernizações tecnológicas. Foi a primeira rede a investir em tecnologia de leitores óticos em todos os seus caixas e tem investido continuamente em alta tecnologia para modernização das unidades, como o desenvolvimento de um sistema exclusivo onde é possível controlar todos os passos de qualquer mercadoria e saber seu momento exato de saída, mostrando o percentual de rentabilidade em tempo real.

O grupo Covabra possui atualmente mais de 2 mil empregados e 14 lojas distribuídas em 10 cidades do interior de São Paulo. Segundo o ranking Abras, a Covabra ocupa a 15ª posição no Estado de São Paulo e a 41ª posição nacional, segundo o ranking da ABRAS)